SEBRAE Inteligência Setorial

SEBRAE

Informações estratégicas para sua empresa crescer.

Economia Digital

Imagem de título do setor Economia Digital
13 de junho de 2018

Sete motivos para as marcas estarem presentes nos aplicativos de jogos

Grandes anunciantes já começam a prestar atenção a esta nova forma de conexão, ainda que esteja subutilizada, levando em consideração o potencial e os benefícios para as marcas

investir jogos

Não é exagero dizer que os aplicativos de games são uma febre mundial. Nos últimos dois anos, o crescimento da indústria de jogos em dispositivos móveis ultrapassou a evolução das indústrias globais de entretenimento, música e filme. Apenas em 2017, US$ 58.7 bilhões foram investidos neste segmento e no Brasil o cenário não é diferente. De acordo com a Pesquisa Game Brasil 2018, 75,5% dos brasileiros se distraem com jogos eletrônicos, independentemente da plataforma. Para 84%, os smartphones são o meio predileto para realizar a atividade. Prova disso é que entre os 100 apps mais baixados no Brasil, 62% são de jogos.

Apesar deste cenário, em geral, as marcas estiveram um pouco distantes da publicidade em jogos, mas ao fazer uma análise do cenário nos últimos anos é possível observar esta tendência se alterar. Grandes anunciantes já começam a prestar atenção a esta nova forma de conexão, ainda que esteja subutilizada, levando em consideração o potencial e os benefícios para as marcas.

Abaixo destaco sete motivos que justificam a presença das marcas nos aplicativos de jogos mobile:

Público variado - Apesar de 70% do público de games ter entre 18 e 44 anos, 83% das pessoas entre 45 e 64 anos também têm o hábito de jogar por meio de aplicativos, de acordo com um estudo da AdColony e OnDevice. Ou seja, é possível impactar diferentes perfis;

Ambiente neutro - Os portais de notícias muitas vezes se tornam um ambiente desfavorável para mostrar anúncios, uma vez que apresentam reportagens negativas, como corrupção e crimes, e também no caso da visualização em desktops, por não terem a verificação adequada sobre a confiabilidade do conteúdo exibido. No momento em que os anunciantes estão cada vez mais cautelosos sobre onde a publicidade será vista, os games surgem como uma oportunidade favorável, por serem ambientes totalmente neutros, especialmente por todo o controle e processos para que um aplicativo seja incluído na Google Play ou Apple Store;

“Mood” dos usuários - Um fator muito importante a ser levado em consideração é o estado de espírito dos usuários quando estão em ação nos games, já que 70% dos usuários se consideram felizes durante a atividade. Logo, podemos considerar que estão em um momento de descontração, ou seja, mais relaxados e propensos a aceitar a publicidade.

Confira os demais motivos no site Administradores.

Imagem: Da assessoria

Fonte:
Administradores
Autor:
Alberto Pardo
Publicado em:
12 de junho de 2018

Você também vai gostar de ler