SEBRAE Inteligência Setorial

SEBRAE

Informações estratégicas para sua empresa crescer.

Moda

Imagem de título do setor Moda
5 de dezembro de 2018

Mercado global de jeans deve atingir 60 bilhões de dólares até 2023

Um novo relatório prevê que o mercado varejista mundial de jeans atingirá 60,09 bilhões de dólares até 2023, com um forte crescimento particularmente nos mercados em desenvolvimento.

jeans

De acordo com o relatório, produzido pela editora de vestuário just-style.com, este aumento equivale a mais de 2 milhões de pares de jeans vendidos. A editora antecipa que o mercado de varejo de jeans crescerá 4,9% nos próximos cinco anos, a partir da avaliação deste ano, de 57,30 bilhões de dólares.

Estima-se que os Estados Unidos mantenham sua posição como o maior mercado de jeans do mundo, seguindo pela China em segundo lugar. Segundo o relatório, quase metade da produção de jeans da China permanece dentro do país, marcando um aumento significativo em relação aos dados coletados cinco anos antes. O site de pesquisa estima ainda que cerca de 22% dos jeans fabricados na China são negociados fora dos mercados tradicionais de varejo "em troca de bens ou serviços, em vez de moeda".

Apesar dos números contundentes dos Estados Unidos e da China, o relatório aponta que os mercados que mais crescem não são estes. Os dados da Just-style.com mostram que a América do Sul está na liderança com uma taxa de crescimento de 12,1%, enquanto "o resto do mundo (todos os mercados excluindo América do Norte, Europa, Turquia, Ásia e América do Sul)" deve aumentar em 19,7% durante o período.

Em um comunicado à imprensa, o autor do relatório disse que o mercado global de jeans se beneficia de sua posição única como uma categoria que supera as tendências, permitindo que os consumidores comprem qualquer estilo de jeans que prefiram sem "estar fora de sintonia com a moda”.

Por Gabriella Lacombe

Traduzido por Novello Dariella

Imagem: Reprodução/Fashion Network

Fonte:
Fashion Network
Autor:
Fashion Network
Publicado em:
5 de dezembro de 2018

Você também vai gostar de ler